O Poder da Alimentação Consciente Mudando sua Relação com a Comida

Você pode já estar familiarizado com os princípios fundamentais de diminuir o ritmo, prestar atenção ao que você come e saborear sua comida. No entanto, os especialistas sugerem que a alimentação consciente pode ter aspectos ainda mais sutis e, quando praticada intencionalmente ao longo do tempo, pode transformar sua conexão com a comida e melhorar sua saúde geral.

“`html

Comer com Atenção Muda Sua Relação com a Comida

📅 1 de março de 2024

⭐ Você pode estar familiarizado com os passos básicos: Desacelere, perceba o que está comendo e aprecie sua comida. Mas você sabia que comer com atenção pode ser mais refinado e transformador para sua saúde? Neste artigo, iremos mergulhar fundo na prática de comer com atenção, explorando seus benefícios, desafios e estratégias para o sucesso.

💡 Mesmo que seu dia seja uma correria de uma tarefa para outra, fazer o comer com atenção funcionar está ao seu alcance. Segundo a nutricionista Linn Thorstensson, começar pequeno é fundamental. Comece com apenas uma mordida e aumente gradualmente a partir daí. Afinal, Roma não foi construída em um dia!

Para começar, mastigue bem seus alimentos e saboreie cada mordida. Escolha uma refeição por dia em que você tenha mais tempo para comer com atenção e preste atenção em como se sente depois. A prática de comer com atenção significa ouvir os sinais do seu corpo sobre comida e honrá-los. Trata-se de comer quando estiver com fome e parar quando estiver satisfeito, envolvendo seus sentidos e estando presente no momento.

Não é um Caso Encerrado

Como a maioria das coisas que valem a pena buscar, comer com atenção requer prática. Você não acorda um dia e corre uma maratona, certo? Anita Reina, pesquisadora pós-doutoral, enfatiza a importância de começar pequeno e aumentar a resistência ao longo do tempo. Para indivíduos em recuperação de distúrbios alimentares ou lidando com distúrbios alimentares, mudar sua relação com a comida pode ser desafiador e demorado. No entanto, adotar uma mentalidade curiosa, gentil e compassiva em relação a nós mesmos e às nossas experiências alimentares por meio da prática de comer com atenção pode tornar a jornada um pouco mais fácil.

🌟Tornar o comer com atenção um hábito é fundamental para o sucesso a longo prazo. Segundo Alice J. Rosen, essa prática pode até se estender para além da mesa de jantar e ajudar a melhorar a atenção plena geral. Imagine um mundo onde você não apenas come com atenção, mas também vive com atenção – um mundo repleto de intenção, presença e uma conexão mais profunda consigo mesmo e com os outros.

💪 Comer com atenção tem se mostrado eficaz em programas de saúde como o Programa de Abordagens Dietéticas para Parar a Hipertensão (DASH). Em um pequeno estudo, os participantes responderam positivamente às técnicas de comer com atenção como parte do programa de saúde chamado Cuide do Seu Coração. Ao realmente ouvir nossos corpos, podemos descobrir que na verdade não desejamos tanto aqueles nachos ou não precisamos de tanto sal quanto pensávamos.

🙅 Uma Zona Livre de Julgamentos

A comida às vezes pode ser uma fonte de culpa ou sentimentos negativos, mas praticar o comer com atenção ajuda a desenvolver uma relação positiva com a comida. Enquanto as dietas frequentemente se concentram em restrições e evitações, o comer com atenção é sobre encontrar paz e equilíbrio. Trata-se de acalmar a mente, estar presente e evitar julgamentos ou críticas a si mesmo.

💭 Visualize Isso

Com nossas vidas atribuladas, a visualização pode ser uma ferramenta poderosa para incorporar o comer com atenção em nossas rotinas. Se você achar a atenção plena um conceito difícil de entender, não se preocupe – você não está sozinho! Pesquisas realizadas por Anita Reina sugerem que muitas pessoas têm dificuldade para imaginar a atenção plena em suas vidas diárias. Uma solução que ela propõe é criar um guia ou gráfico fácil de entender, semelhante ao gráfico MyPlate do governo dos EUA. Este auxílio visual, combinado com lembretes simples como pegar os talheres conscientemente, dar uma mordida e colocar o garfo de volta, pode ajudar a tornar o comer consciente uma parte do seu estilo de vida.

🙏 Sentindo-se Grato

O comer com atenção não se trata do tipo específico de comida; trata-se do ato de notar e apreciar a comida que você tem. Mesmo que tudo o que você tenha seja uma refeição fast-food, reserve um momento para expressar gratidão por ter aquela comida. Considere o esforço para cultivar e entregar a comida à sua mesa. Aumentando a consciência em torno da comida, podemos cultivar uma compreensão mais profunda e apreciação pelo sustento que ela proporciona.

🌟 Não é um Plano de Perda de Peso

Um equívoco comum sobre o comer com atenção é que é principalmente uma estratégia de perda de peso. No entanto, segundo Linn Thorstensson, terapeuta nutricional, o comer com atenção não se trata de tentar controlar o tamanho ou o peso do seu corpo. Usá-lo como uma ferramenta para manipular sua ingestão de alimentos com base na insatisfação corporal pode levar a consequências negativas. Em vez disso, o comer com atenção visa construir uma relação positiva com a comida, independentemente do tamanho ou peso do seu corpo.

🎥 Aqui está um experimento interessante de Alice J. Rosen: E se comêssemos com atenção por 30 dias, assim como Morgan Spurlock comeu apenas comida do McDonald’s por um mês no documentário “Super Size Me”? Rosen acredita que o resultado seria dramaticamente diferente, com mudanças nos níveis sanguíneos e na saúde geral. É uma ideia fascinante que desafia noções convencionais sobre fast food e comer com atenção.

“`

🎈 Em Conclusão

Comer conscientemente é uma prática transformadora que permite às pessoas mudarem sua relação com a comida. Ao adotar uma abordagem curiosa, gentil e compassiva, e explorar nossos sentidos, podemos desenvolver hábitos mais saudáveis e melhorar nosso bem-estar geral. Lembre-se, comer conscientemente não é sobre perfeição, mas sim progresso e autoaceitação.

📚 Referências:

  1. “Pessoas com Alto Risco de Doença Cardíaca se Beneficiam de Comer Cavala e Atum”
  2. “Comer Kimchi Todos os Dias Pode Ajudar as Pessoas a Permanecerem Magras”
  3. “Um Pequeno Impulso na Forma Física Reduz o Risco de Câncer de Próstata em Homens”
  4. “Famílias de Homens Inférteis Enfrentam Maiores Riscos de Câncer”
  5. “Um Terapeuta: O Que Você Deve Me Contar e O Que Deve Esperar de Mim”
  6. “Um Chihuahua Tem o Mesmo Risco de Doença que um Great Dane?”

📣 Compartilhe suas histórias e dicas de alimentação consciente nos comentários abaixo! Vamos nos apoiar nessa jornada rumo a uma relação mais saudável com a comida.